Vale a pena comprar um imóvel usado e reformar?

3 de fevereiro de 2017

5 dicas

Desde que você saiba escolher bem um imóvel usado, a reforma vale – e muito – a pena. Isso acontece porque com a possibilidade de realizar reparos em um imóvel usado (normalmente mais barato,) é possível adequar completamente o espaço às necessidades e, principalmente, às expectativas. Dessa forma, o sonho da casa própria não deixa de ser menor só por ser um espaço usado. Por isso, separamos, abaixo, algumas recomendações para quem deseja investir nessa opção.

Antes de adquirir um imóvel usado, avalie possíveis falhas na estrutura do local. Nesse processo, é recomendado o auxílio de um perito especialista no assunto. Também analise se existe declive no terreno, principalmente se estivermos falando de uma casa, porque esse detalhe pode prejudicar a reforma a ser feita. Além dessas dicas específicas para imóvel usado e posterior reparo, também se atente às condições do bairro, vizinhança, comércio ao redor, etc.

Por vezes, uma reforma pode dar bastante dor de cabeça e você deve estar ciente disso. Para evitar o estresse, faça orçamentos com variadas construtoras e chegue até um valor razoável. Também atente ao cumprimento do prazo estabelecido pelos engenheiros. Tendo o valor cobrado em mãos, questione-se: o custo do imóvel somado à reforma compensa o investimento? Compare o custo-benefício e, principalmente, o valor em relação a outros imóveis.

Chegado o momento de efetuar a reforma no imóvel usado, é imprescindível que você se certifique de que o espaço será suficiente. Também procure se informar na prefeitura a respeito da legalidade das reformas. Se você for aumentar o tamanho de uma casa, por exemplo, e pretende constuir um segundo ou terceiro piso, deve conhecer todas as documentações necessárias para uma obra desse porte.

Agora, algumas recomendações sobre a manutenção de um imóvel usado:

  • Aproveite a estrutura existente:Normalmente, espaços mais antigos foram construídos com materiais bastante resistentes. Pensando nisso, evite “trocar tudo”. Faça um estudo e veja o que é possível reaproveitar daquele espaço. Também valorize aspectos como o pé-direito alto desse tipo de imóvel, que aumenta a ventilação e a iluminação dos ambientes.
  • Verifique as redes hidráulicas e elétricas do local:É bem provável que o engenheiro responsável pela reforma de um espaço antigo esteja acostumado à necessidade de reparo de fiação e canos, mas é interessante prestar bastante atenção nesse processo a fim de evitar problemas de infiltração com os vizinhos, por exemplo.
  • Escolha profissionais qualificados:Experiência e confiança devem transparecer entre os escolhidos para fazer a reforma do seu imóvel. Peça indicações de amigos, imobiliárias ou consultores do ramo da engenharia civil. Dessa forma, é possível garantir que haja uma valorização real do imóvel usado após a reforma e quem saia ganhando de verdade seja você.

Qual é a sua opinião sobre a compra de um espaço antigo e posterior reforma?

Ir ao topo